segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Voltando aos poucos....

O Portão
Roberto e Erasmo Carlos

Eu cheguei em frente ao portão, meu cachorro me sorriu latindo
Minhas malas coloquei no chão, eu voltei. Tudo estava igual como era antes, quase nada se modificou, acho que só eu mesmo mudei, eu voltei.
Eu voltei, agora pra ficar, porque aqui, aqui é o meu lugar. Eu voltei pras coisas que eu deixei, eu voltei.
Fui abrindo a porta devagar, mas deixei a luz entrar primeiro, todo meu passado iluminei, e entrei. Meu retrato ainda na parede, meio amarelado pelo tempo, como a perguntar por onde andei e eu falei:
Onde andei não deu para ficar, porque aqui, aqui é o meu lugar. Eu voltei pras coisas que eu deixei, eu voltei.

Amigos queridos, é bom estar de volta, mesmo que devagarzinho. Estou bem. Mas como sempre, com a vida corrida. O tempo não pára!!! Nós é que devemos saber administrá-lo... E que tarefa nem sempre fácil, não é mesmo?
De vez em quando visitei vocês, às vezes deixava uma mensagem ou recadinho e às vezes não.
Senti saudades! Como na música do Roberto, "eu voltei para as coisas que eu deixei! Voltei para os amigos também! Aliás, nunca deixei vocês :-)!
Um beijo no coração!
Bom fim-de-semana!

Marcadores: , , ,

domingo, 2 de agosto de 2009

Hoje é meu aniversário!

Interrompo meu recesso do blog para comemorar o meu aniversário com vocês, queridos amigos!
Agradeço a amizade e o carinho! E renovo os desejos de um feliz novo ano de vida para mim! Entretanto, como todo novo ano representa um trilha desconhecida, só posso desejar o que há de positivo na vida. Por isso agradeço sempre a Deus por tudo de bom que Ele colocou em meu caminho. Também por todas as outras nada boas que me ensinaram e me ensinam a ser uma pessoa melhor. Desejo que Ele continue cultivando a minha saúde, paz, amor, amizades, alegrias, prosperidade, perseverança e fé. Quero o carinho da família e a presença deles também. Assim como dos meus amigos. Que possamos compartilhar nossas alegrias e tristezas apesar desta vida de 'tempos modernos' nos empurrarem justamente para o oposto. Quero a minha vida pulsando por mais um ano - e quero Deus me guiando. Sempre. Sem Ele, nada disso poderá ser concretizado.
E para comemorar, quero flores para alegrar o meu dia, cantar parabéns, soprar as velinhas e comer bolo!
Bem, esta é a minha caixinha de desejos para mais um ano de vida.



















Fonte das imagens: google

Marcadores: