sábado, 6 de dezembro de 2008

São Nicolau, Papai Noel e o Natal

Quando eu vivia na Holanda, a chegada de Sinterklaas ou São Nicolau era esperada com muita ansiedade pelas crianças e adultos.
Gosto desta época por causa do espírito de confraternização e reflexão que a data inspira, porém, atualmente o Natal está comercializado demais, vocês concordam? A própria criação do Papai Noel teve este objetivo: para alavancar vendas. Aqui no Rio de Janeiro e certamente em todos os shoppings do Brasil existe um Papai Noel de plantão para tirar fotos com as crianças. Ele fica sentado em meio a uma linda decoração natalina e as crianças fazem fila para irem falar com ele e tirar fotos. A foto é o objeto de consumo - custa 20 reais no shopping aqui perto de casa e a fila é grande, viu. Todos querem uma foto com o Papai Noel. Minha menina me pergunta se aquele velhinho é o Papai Noel verdadeiro e eu lhe digo que aquele Papai Noel apenas trabalha como Papai Noel. O verdadeiro Papai Noel sempre deixa um presentinho quando nós estamos dormindo. Eu gosto de cultivar a imaginação das crianças por que eu ainda tenho a minha criança dentro de mim. Mas confesso, este consumismo exacerbado me dá uma angústia tão grande. E este sentimento, tenho certeza é compartilhado com muitos de vocês, pois sei que nem tudo está perdido. Mas precisamos educar as crianças por que se não serão vazias quanto tantas pessoas que vejo por aí... só pensam em comprar, comprar, comprar e estão sempre infelizes pois não conseguirão comprar o amor, a união, o aconchego familiar e tantas outras coisas que o dinheiro não consegue comprar.

A Fernanda do blog Mãe e muito mais escreveu um post maravilhoso sobre esta época frenética e o quanto ela se sente sufocada com tudo isso, pois esta sociedade consumista em que vivemos quer nos empurrar para este olho de furacão e o pior, ela atrai como um imã, nossos filhos, e se não conversarmos com as nossas crianças e tentarmos viver uma história mais enriquecedora espiritualmente, eles crescem achando que o Natal significa somente ganhar presentes, muitos presentes. As palavras da Fernanda caíram como luvas para o que eu sinto. Gosto de fazer compras, mas o Natal para mim é muito mais do que mãos com bolsas cheias de presentes. Gosto de arrumar minha casa para o Natal, gosto de fazer biscoitos com meus filhos, escrever cartões para os amigos, mesmo com o tempo muito curto, preparar o meu coração, já que como católica, eu comemoro o nascimento do Menino Jesus com muita alegria.

Quando as crianças eram menores, eu organizava todos os anos, uma peça teatral onde cada filho, sobrinho/a tinha uma parte. Era muito bonito, pois o auge da nossa festa era a peça contando a história do nascimento de Jesus. Eu era a narradora. Adoraria fazer a peça novamente, mas as crianças estão crescendo e sentem-se envergonhados agora...

Leiam o que a Fernanda escreveu.

Hoje entramos no segundo domingo do Advento. Para quem não sabe o que é o Advento, trata-se dos quatro domingos que antecedem o Natal e são celebrados pelos cristãos como tempo de espera pela vinda do Menino Jesus. A cada semana, uma vela é acesa na Coroa do Advento.

A Coroa do Advento tem origem em uma tradição pagã européia. No inverno, as velas eram acesas para que o “fogo do deus sol” trouxesse de volta a luz e o calor. Os primeiros missionários aproveitaram essa tradição para evangelizar: o círculo representa a “aliança” entre Deus e o homem; o verde presente nos galhos é a cor da esperança e da vida; as quatro velas acesas a cada semana simbolizam primeiro a experiência da escuridão, do pecado, quando a coroa está sem luz e sem brilho, mas com o nascimento de Jesus a coroa fica toda iluminada, pois a Luz vem ao mundo.

As informações sobre o Advento foram adaptadas deste site.

Marcadores: , , , ,

Commentários:
Sonia, já acendemos a segunda vela do ADvento...estamos em ritmo de espera. Mas por mais que se acenda vela...o tempo continua na escuridao à partir das 2 da tarde.,..e só nasce às 9 da matina.bjs e dias felizes
Postado por Anonymous Grace Olsson : 7 de dez de 2008 15:14:00  
Sonia querida, tudo que vc escreveu é verdade. Infelizmente vivemos num mundo consumista, onde o verdadeiro significado do natal, está a cada ano desaparecendo dando lugar ao consumismo que as lojas impoem. É uma pena.
Boa semana. Bj
Postado por Blogger Celia : 7 de dez de 2008 16:19:00  
Pois é, Sonia, e a cada ano a coisa aumenta. Como aqui em casa não tem mais criança, perdi completamente o gosto pela data, ainda mais por não ser religiosa e achar que tudo é só comércio.
Gosto mesmo é de celebrar o Ano Novo.
bjs cariocas
Postado por Blogger Beth/Lilás : 7 de dez de 2008 21:46:00  
Sonia, que texto belíssimo o seu. Tao cheio de verdades. Eu evito ao máximo esse consumo e na familia só presenteamos as criancas. Os adultos nao mais.

Quanto ao significado da coroa para o crentes em Jesus é muito bonito. Principalmente ligando a Luz que veio ao mundo para salvar que é Jesus.

Um grande beijo
Postado por Blogger Georgia : 8 de dez de 2008 14:52:00  
Desde menina eu desprezo esse natal de compras e de Noeis. Não gosto dessa época do ano. Bjkª. Elza
Postado por Blogger Blog do Beagle : 11 de dez de 2008 15:24:00  

Postar um comentário